03
Mai 11

Receita natural - máscara facial caseira

 

Muito se tem falado acerca da falta de informação relativamente aos ingredientes usados em produtos de cosmética. Os efeitos para o ambiente e para a saúde de quem os utiliza nem sempre são benéficos a longo prazo. Além disso os fabricantes nem sempre são obrigados a revelar todos componentes dos produtos por uma questão de segredo comercial. recomendo de novo o Skin deep - um site que analisa muitos produtos de cosmética segundo a sua composição e avalia-os em relação aos seus danos na saúde e no ambiente.

 

Sem voltar demasiado ao meu estado selvagem vou tentando evitar o uso de alguns produtos ou utilizar apenas aqueles de marcas que me parecem mais confiáveis. Infelizmente os mais amigos do ambiente e da saúde tendem a ser bem mais caros.

Uma boa solução é recorrer a remédios caseiros: mesmo que não mostrem resultados imediatos pelo menos mal não fazem.

 

Cá fica então uma receita simples de máscara facial que aprendi num programa do Dr. Oz.

 

  • Uma colher de chá de iogurte natural (sem açúcar)
  • Algumas gotas de limão

 

Misturar e aplicar sobre face húmida, esperar alguns minutos e retirar.

 

O iogurte tem função de nutrição e o limão de branqueamento, para reduzir manchas.

 

Ainda usei poucas vezes. A sensação no momento é de deixar a pele mais macia e hidratada. Quanto às manchas não tenho muitas por isso também não notei diferença.

 

Tem alguma receita caseira interessante para partilhar? Deixe nos comentários que nós agradecemos

 

publicado por oxarim às 17:39 | comentar | favorito
30
Abr 11

Pastagens amigas do ambiente em Portugal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Foi mesmo agora que RTP1 passou uma reportagem no telejornal sobre uma inovação nacional a nível da pecuária.

 

Trata-se de pastagens amigas do ambiente, com alta produção, que ajudam à redução das emissões de carbono e à redução do uso de rações na alimentação do gado.

 

Segundo a empresa Terraprima, responsável por este conceito nestas pastagens é semeado um conjunto de sementes variadas. Esta variedade permite maior resistencia das colheitas e incluem também leguminosas, que enriquecem o solo em azoto e diminuem assim a necessiade de fertilizantes. A partagem renova-se automáticamente durante vários anos sem que seja necessário voltar a semear. Nisto poupam-se recursos e energia. 

A matéria orgânica das plantas mortas mantém-se no solo fixando-se assim o carbono que de outra forma iria parar à atmosfera como dióxido de carbono. Por isso estas pastagens ajudam a reduzir a pegada de carbono portuguesa e a cumprir o acordo de Quioto.

 

Conheçam mais sobre esta assunto no site da Terraprima, aqui. Passem a palavra, quantos mais produtores de gado adoptarem este sistema melhor será para todos nós.

publicado por oxarim às 13:45 | comentar | favorito
12
Abr 11

Adubo caseiro

 

Não é preciso ter uma composteira para fazer adubo natural para as suas plantas.

Basta juntar restos orgânicos como a borra do café, cascas de frutas e vegetais (cortadas em pedaços pequenos) e adicioná-los aos vasos das plantas. Para isso convem fazer um pequeno buraco e enterrar as cascas. Se não ficarem cobertas por terra terão tendência a ganhar mofo.

Quanto maior a variedade de cascas mais rico será o adubo. Não exagere na dose pois é preciso dar tempo para que as cascas se desintegrem., senão em poucos dias terá mais lixo do que terra. Convém lembrar que as cascas e restos de vegetais e frutos devem estar crus e sem tempero.

 

É uma boa forma de reduzir o seu lixo e não recorrer a fertilizantes químicos.

publicado por oxarim às 14:14 | comentar | favorito
01
Abr 11

Horta de Varanda

 

Tal como já foi mostrado num post antigo tenho dedicado algum tempo à minha horta de varanda.

 

Os mesmos morangueiros do post anterior já começam a dar algumas amostras de morangos e algumas flores promissoras. Não são tão rápidos como os de estufa, que já andam nas lojas mas em geral são mais saborosos e de aroma mais concentrado.

 

 

 

 

 

 

Salsa fresquinha semeada há uns meses.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E à segunda tentativa um pequeno pé de hortelã, que já começa a ter algum cheiro.

 

 

 

 

Não são estas pequenas que vão diminuir a minha pegada de carbono mas sempre são um começo. E dá muito gosto seguir a sua evolução desde a semente até por fim tê-las no prato.

 

São muitas as variedades de pequenos frutos, legumes e ervas aromáticas que podemos plantar em vasos com sucesso. Escolha aqueles que mais gosta e comece já a sua pequena horta também. Não lhe gastará muito tempo, ainda menos dinheiro e poderá ter uma pequena amostra de alimentos de qualidade.

publicado por oxarim às 23:29 | comentar | favorito
28
Mar 11

Indícios de que telemoveis aumentem risco de osteoporose

 

Não se trata de uma notícia estritamente ambiental mas é com certeza uma questão de saúde pública que deve ser conhecida.

 

Já vários estudos procuraram descobrir quais os efeitos causados no cérebro pelo uso de telemóveis. Recentemente um novo estudo investigou os efeitos do uso destes aparelhos na desidade óssea.

 

A alarmante conclusão é que os indíviduos submetidos a este estudo que transportaram o telemóvel no bolso das calças durante um ano revelaram menor densidade óssea na zona da perna onde o telemóvel era levado.

 

Caso queiram saber mais sobre o assunto leiam aqui a notícia e consultem as fontes.

publicado por oxarim às 23:27 | comentar | favorito
tags:
05
Mar 11

Guardanapos de pano

 

Em tempos de crise há cada vez mais quem evite as idas aos cefés e leve alguma comida de casa para os intervalos.

Eu há muito que me habituei a levar o meu lanche de casa, em parte para evitar a tentação de comer mais um bolo ou outros doces.

 

E em cada lanche (uma sandes, uma peça de fruta etc.) lá ia um guardanapo de papel. Ora um guardanapo de papel nem sempre se reutiliza e mesmo sendo algo pequeno e biodegradável pode bem ser evitado.

 

Fui então procurar um guardanapo de pano ao fundo das gavetas. O mesmo guardanapo de pano pode ser reutilizado várias vezes antes de ser lavado por isso acho que vale bem a pena.

publicado por oxarim às 00:17 | comentar | favorito
13
Fev 11

Plantar uma árvore

 

Plantar uma árvore é uma das formas de ajudar o planeta e melhorar a qualidade de vida de todos nós. É também uma das boas acções com mais efeitos a longo prazo, pois se tudo correr bem a árvore ficará por cá muitos mais anos do que nós.

 

Foi a pensar nisso que me juntei ontem numa acção do projecto criar bosques em Braga.

Com a participação de umas boas dezenas de voluntários plantaram-se vários carvalhos na zona do Bom Jesus.

 

Daqui a uns anos teremos uma nova área arborizada de que poderemos todos usufruir.

 

Se quiser participar em novas acções, ceder mudas de árvores, ou espaços para arborizar, pode ver aqui a explicação do projecto.

Na página da Quercus são anunciadas as próximas actividades.

publicado por oxarim às 18:37 | comentar | favorito
24
Jan 11

Poupar água indirectamente

 

Praticamente tudo que consumimos representou em algum momento da sua produção um gasto de água. Por exemplo cada café que tomamos representa um gasto de 140 litros de água em toda a sua produção. No entanto a carne é de longe o alimento que implica um maior gasto de recursos: 15500 litros de água por cada quilo de bife de carne de vaca.

 

Por outro lado já varias vezes somos alertados para o exagero de carne que o mundo ocidental consome. Segundo vários nutricionistas cada pessoa precisa por dia de apenas uma porção de carne ou de peixe do tamanho da palma da sua mão. A grande maioria das pessoas consome o dobro. Se todos nós nos limitássemos a comer apenas vegetais, frutas e cereais ao jantar (cortando no peixe e na carne)teríamos não só benefícios a nível de saúde como estaríamos a ajudar o planeta.

 

 

publicado por oxarim às 21:56 | comentar | favorito
07
Jan 11

Poupar energia na cozinha

Aqui vão algumas dicas para poupar energia na cozinha.

 

  • Prefira receitas que usam o microondas em vez do fogão e do forno. Geralmente o microondas leva menos tempo a cozinhar do que o forno e com certeza disperdiça menos energia do que o fogão. Praticamente todas receitas feitas no forno podem ser feitas no microondas, deve apenas reduzir um pouco o tempo de cozedura e ter em conta que há menos evaporação de líquidos no microondas.

 

  • Ao usar o fogão tape as panelas sempre que possível e evite usar panelas pequenas em saidas largas de muita chama. A chama deve apanhar apenas o fundo da panela e não se disperçar para o lado.

 

  • Use panela de pressão em vez das panelas normais. Cozem os alimentos em menos tempo pois aliam a pressão ao calor.
  • A nível de exaustão a tradicional janela aberta sempre é preferível em vez do exaustor (que além de nem sempre ser muito eficaz faz barulho...)
publicado por oxarim às 21:42 | comentar | favorito
11
Dez 10

Cancun 2010 - resultados (ou falta deles)

 

Depois do fracasso de Copenhaga parece que a cimeira em Cancún não veio acrescentar muito.

 

Essencialmente ficou acordado que a aplicação da segunda fase do protocolo de Quioto fica adiada para data indeterminada.

 

Segundo Francisco Ferreira da Quercus: «houve um número de progressos específicos, incluindo o estabelecimento de um fundo climático verde, um processo para avaliar os diferentes aspectos das perdas e danos causados pelas alterações climáticas, o registo das acções dos países em desenvolvimento, bem como o reconhecimento de que as metas de emissões não são suficientemente ambiciosas»

 

Mais uma vez foram adiadas as verdadeiras medidas necessárias, ficando tudo pela eterna conversa: "Sim, isto está mal, mas os próximos que o resolvam que pra já a gente sobrevive"

 

Os títulos da imprensa não podiam ser mais enganadores, o Sol por exemplo diz " Países alcançam acordo de princípio em Cancun". O público é assim levado a acreditar na eficácia destas reuniões e a sossegar, pensando que os seus líderes estão a tomar as medidas necessárias, e: "Se eles não têm pressa por que havemos nós de nos alarmar?"

 

E assim se empurra o problema, marcando mais uma próxima reunião em Durban onde a gente se encontra de novo para falar mais um pouco sobre o assunto e gastar o dinheiro dos contribuintes em mais uns dias de passeio e luxo.

publicado por oxarim às 13:51 | comentar | ver comentários (1) | favorito