29
Set 10

agua que vai pelo cano...

 

Hoje resolvi contabilizar ao certo quanto posso poupar ao recolher a água que se perde no duche enquanto se espera que aqueça.

Uma vez que tenho aquecimento a gás a água até aquece depressa mas mesmo assim contei pelo menos 2 litros de água fria recolhida.

 

Essa água posso usar para regar plantas, para lavar alguma peça de roupa, para encher a pia com louça etc.

 

2 litros a cada banho, numa casa com 2 pessoas dá cerca de 120 litros ao fim do mês. No meu caso representa cerca de 1.7 % do gasto consumo mensal.

 

E voce? Já pensou em quanta água se desperdiça em sua casa?

publicado por oxarim às 22:27 | comentar | favorito
24
Set 10

Esforço humano VS Máquinas

Analisando o nosso dia-a-dia há certas coisas que não fazem sentido. Ao longo da história várias invenções surgiram para poupar o nosso esforço físico, consumindo para isso energia. Entre eles o automovel, o elevador e a escada rolante por exemplo. Nos novos prédios e centros comerciais as escadas (não rolantes) parecem existir só por prevenção, para o caso de faltar electricidade. Uma pessoa sente-se estranha e observada quando sobe escadas a pé, parece que por dentro os outros pensam: "Olha aquela tola armada em saudável, a mostrar que faz exercício".

 

A verdade é que se não fossemos tão comodistas na vida diária não haveria necessidade de irmos a ginásios (onde se consome ainda mais energia!). Certos aparelhos tais como escovas de dentes eléctricas ou espremedores de sumo automáticos são absurdos no meu ponto de vista.

 

Experimente eliminar todos aparelhos possíveis e fazer tudo com o esforço do seu corpo. Por exemplo:

 

Andar a pé

Subir escadas

Espremer sumo de citrinos à mão

Varrer ou passar pano no chão em vez de aspirar

etc.

publicado por oxarim às 21:35 | comentar | favorito
08
Set 10

Calcule quanto gasta de energia

 

Uma vez que uma fatia considerável da energia que consumimos ainda não vem de fontes renováveis e limpas é importante ao nível ambiental poupar energia, para evitar disperdício e poluição.

Como para muita gente a vertente ambiental não é assim tão importante podemos sempre apelar à parte económica. Quanto menos gastar menos tem que pagar.

 

Assim sendo segue-se um exemplo de como calcular o quanto gasta determinado aparelho eléctrico, e quanto isso lhe pode custar.

 

Em primeiro lugar deve ver a potência do aparelho (quantos watts gasta). Isso está sempre indicado de forma visível. 1500 W indica que o aparelho consome 1500 w para funcionar.

 

Imaginemos que um ferro de passar roupa, de 1500 W é usado durante 1hora. Relembrando o processo de reduzir que aprendemos na primária sabemos que 1500 W = 1,5 Kw (quilowatts). Sendo usado durante 1 hora o ferro consome neste caso 1,5Kw/h.

Agora deve ver na sua factura de electricidade quanto paga pelo Kw/h (pode rondar de 0,09€ a 0.13€) e multiplicar por 1,5 que foi o consumo neste caso. No meu caso daria cerca de 0,19 centimos. Mais IVA de 6%, seria um total de 0,20€.

 

À primeira vista é pouco mas imagine agora um frigorífico que fica sempre ligado, ou aquelas televisões nas salas de espera, as lâmpadas que nunca se apagam etc.

 

Um ferro que consumisse potência mais baixa gastaria menos, por isso deve sempre comparar a potência dos vários aparelhos disponíveis antes de comprar. Aquele que custa mais caro a longo prazo pode ser mais barato.

 

Por isso é também importante usar lampadas economizadoras, electrodomésticos classe A+ pois gastam o mínimo de watts possíveis.

 

 

 

publicado por oxarim às 13:20 | comentar | favorito
22
Jul 10

O que sabe sobre os seus cosméticos e produtos de higiene?

 

Gostaria de colocar um pequeno desafio ao leitor. Pare e pense quantos produtos de higiene e cosméticos usou em todo corpo desde o momento em que acordou de manhã até agora.

 

Cá vai a minha lista

 

Sabonete liquido

Pasta de dentes

Creme para contorno de olhos

Protector solar

Desodorizante

 

 

Até deitar provavelmente usaria mais sabão, shampoo, talvez algum creme para cabelo ou corpo e de novo pasta de dentes. Isto sendo um dia sem maquilhagem ou qualquer extra. Que tal a sua lista?

 

Agora veja a lista de ingredientes desses produtos. Encontra algum que lhe seja familiar, ou que saiba quais as suas implicações além da água?

Não lhe parece um pouco preocupante que se tenha tornado tão dependente destes produtos e que não faça a mínima ideia daquilo que está a usar no seu corpo? Sabia que é permitido a uma marca não revelar totalmente todos os ingredientes de um perfume, como forma de preservar o segredo da sua fragância? Facilmente confiamos nas marcas que comercializam estes produtos (seguindo as indicações falsas de "natural", "orgânico" etc.) e nas leis que restringem o uso de químicos.

 

Dificilmente conseguiria voltar ao estado selvagem de apenas usar água na minha higiene diária mas acho que podemos tentar fazer compras de forma mais consciente e pensar se realmente precisamos de tantos produtos. No caso de realmente não conseguir evitar o seu uso acho que seria boa ideia variar nas marcas de forma a não sobrecarregar o corpo com determinado ingrediente. (p.ex este mês usa o sabão A que possivelmente contém o ingrediente nocivo A, e no mês que vem usa o sabão B que contém o ingrediente nocivo B dando tempo para o ingrediente A ser eliminado)

Vários produtos a que estamos habituados podem ser usados de forma mais reduzida ou até substituídos por produtos naturais. Procurarei falar disto nos próximos posts.

Deixo aqui o link de um vídeo interessante sobre este tema.

 

Caso queira investigar os ingredientes contidos nos seus produtos favoritos siga este link onde pode pesquisar a composição de vários produtos e a sua classificação a nível de prejuízo para a saúde.

publicado por oxarim às 15:18 | comentar | favorito
06
Jul 10

Como andamos de petróleo...

 

Em recentes pesquisas na internet encontrei a seguinte imagem.

 

 

 

Parecendo-me uma fonte digna acho que merece alguma atençao pois os graficos são claros e permitem-nos concluir muitas coisas.

 

  • A nível de produção e reservas de petróleo a Europa é de longe a menos favorecida. Isto indica que temos que reduzir ao máximo a nossa necessidade de petróleo ou em pouco tempo ficaremos dependentes das nações que o produzem.

 

  • A nível de consumo a Europa apenas é responsável por 19%. Isto não nos iliba de tentar reduzir o nosso consumo de petróleo mas faz-nos pensar que não nos adianta de nada fazer de tudo para reduzir o consumo de petróleo se os Estados Unidos, Ásia e Oceania não colaborarem. Por isso todos acordos internacionais como a recente Cimeira de Copenhaga p. ex. são de extrema importância pois é nessas alturas que se pode conseguir que todos se comprometam.

 

  • Quanto às utilizações dadas ao petróleo (tomando como exemplo os E.U. cuja realidade não é necessariamente igual à nossa) vemos que a indústria e os transportes dominam claramente. Isto lembra-nos que: devemos deslocar-nos de forma "ecologicamente inteligente" (transportes públicos, a pé, à boleia etc.); devemos evitar comprar produtos que venham fora da nossa região ou que resultem da indústria.
publicado por oxarim às 22:12 | comentar | favorito
25
Mai 10

Horta de varanda

 

Já muito se tem falado sobre a necessidade de consumir produtos produzidos na nossa região, especialmente a nível de alimentação. Isto nem sempre é muito fácil e mais cedo ou mais tarde acabamos por falhar neste ponto. Não venho trazer aqui nenhuma solução milagrosa apenas incentivar algum cultivo caseiro. Como muitos portugueses vivo num apartamento, sem possibilidade de cultivar grande coisa. No entanto podemos sempre ter a horta de varanda como lhe chamo. Há várias ervas aromáticas e até alguns frutos e cereais que podem ser plantados em vasos. Eu escolhi os morangos e a hortelã. Aqui estão os primeiros resultados. (depois de uma primeira tentativa falhada a segunda remessa de sementes de hortelã teima em não germinar...)

Mais do que realmente fazer a diferença consumindo produtos da região esta é uma forma de nos ligarmos com a terra e de produzirmos algo nosso que nos dá muito prazer a consumir. E é uma boa actividade para as crianças. Escolha o fruto, erva ou cereal do seu agrado e mãos na terra.

 

Aqui fica um link que pode ajudá-lo

 

Organic Gardening

 

 

publicado por oxarim às 14:24 | comentar | ver comentários (1) | favorito
14
Mai 10

Calcule a sua pegada ecologica

 

A pegada ecológica tenta mostrar-nos o quanto o nosso estilo de vida está a afectar o planeta. Respondendo a algumas questões sobre os nossos hábitos diários ficamos a saber até que ponto estamos realmente a preservar ou a destruir o nosso mundo. Calcule a sua pegada ecológica e se quiser partilhe conosco. Eu descobri que ainda tenho muito a melhorar!

Seguem-se alguns links que permitem calcular a sua pegada online. Caso conheçam outros por favor indiquem.

 

Pegada Ecologica

 

Eco EDP-  Um pouco simples de mais, mas dá para dar uma ideia (em português)

 

My Footprint - bastante completo (disponível em ingles, frances e espanhol, entre outras linguas, mas não português)

 

Quercus - após uma explicação mais detalhada sobre o que é a pegada ecologica deve clicar em baixo onde diz "questões" e fazer download do ficheiro word (em português)

 

 

 

 

publicado por oxarim às 20:32 | comentar | favorito