29
Mai 11

mais escadas e menos elevadores

 

Está decidido, daqui em diante não uso elevador, só as escadas. A menos que traga muitas coisas pesadas, há limites, e são 4 andares...

Será uma boa acção a favor do ambiente, e contra a celulite :)

 

Quem se quer juntar?

publicado por oxarim às 14:04 | comentar | ver comentários (1) | favorito
07
Jan 11

Poupar energia na cozinha

Aqui vão algumas dicas para poupar energia na cozinha.

 

  • Prefira receitas que usam o microondas em vez do fogão e do forno. Geralmente o microondas leva menos tempo a cozinhar do que o forno e com certeza disperdiça menos energia do que o fogão. Praticamente todas receitas feitas no forno podem ser feitas no microondas, deve apenas reduzir um pouco o tempo de cozedura e ter em conta que há menos evaporação de líquidos no microondas.

 

  • Ao usar o fogão tape as panelas sempre que possível e evite usar panelas pequenas em saidas largas de muita chama. A chama deve apanhar apenas o fundo da panela e não se disperçar para o lado.

 

  • Use panela de pressão em vez das panelas normais. Cozem os alimentos em menos tempo pois aliam a pressão ao calor.
  • A nível de exaustão a tradicional janela aberta sempre é preferível em vez do exaustor (que além de nem sempre ser muito eficaz faz barulho...)
publicado por oxarim às 21:42 | comentar | favorito
29
Set 10

agua que vai pelo cano...

 

Hoje resolvi contabilizar ao certo quanto posso poupar ao recolher a água que se perde no duche enquanto se espera que aqueça.

Uma vez que tenho aquecimento a gás a água até aquece depressa mas mesmo assim contei pelo menos 2 litros de água fria recolhida.

 

Essa água posso usar para regar plantas, para lavar alguma peça de roupa, para encher a pia com louça etc.

 

2 litros a cada banho, numa casa com 2 pessoas dá cerca de 120 litros ao fim do mês. No meu caso representa cerca de 1.7 % do gasto consumo mensal.

 

E voce? Já pensou em quanta água se desperdiça em sua casa?

publicado por oxarim às 22:27 | comentar | favorito
24
Set 10

Esforço humano VS Máquinas

Analisando o nosso dia-a-dia há certas coisas que não fazem sentido. Ao longo da história várias invenções surgiram para poupar o nosso esforço físico, consumindo para isso energia. Entre eles o automovel, o elevador e a escada rolante por exemplo. Nos novos prédios e centros comerciais as escadas (não rolantes) parecem existir só por prevenção, para o caso de faltar electricidade. Uma pessoa sente-se estranha e observada quando sobe escadas a pé, parece que por dentro os outros pensam: "Olha aquela tola armada em saudável, a mostrar que faz exercício".

 

A verdade é que se não fossemos tão comodistas na vida diária não haveria necessidade de irmos a ginásios (onde se consome ainda mais energia!). Certos aparelhos tais como escovas de dentes eléctricas ou espremedores de sumo automáticos são absurdos no meu ponto de vista.

 

Experimente eliminar todos aparelhos possíveis e fazer tudo com o esforço do seu corpo. Por exemplo:

 

Andar a pé

Subir escadas

Espremer sumo de citrinos à mão

Varrer ou passar pano no chão em vez de aspirar

etc.

publicado por oxarim às 21:35 | comentar | favorito
08
Set 10

Calcule quanto gasta de energia

 

Uma vez que uma fatia considerável da energia que consumimos ainda não vem de fontes renováveis e limpas é importante ao nível ambiental poupar energia, para evitar disperdício e poluição.

Como para muita gente a vertente ambiental não é assim tão importante podemos sempre apelar à parte económica. Quanto menos gastar menos tem que pagar.

 

Assim sendo segue-se um exemplo de como calcular o quanto gasta determinado aparelho eléctrico, e quanto isso lhe pode custar.

 

Em primeiro lugar deve ver a potência do aparelho (quantos watts gasta). Isso está sempre indicado de forma visível. 1500 W indica que o aparelho consome 1500 w para funcionar.

 

Imaginemos que um ferro de passar roupa, de 1500 W é usado durante 1hora. Relembrando o processo de reduzir que aprendemos na primária sabemos que 1500 W = 1,5 Kw (quilowatts). Sendo usado durante 1 hora o ferro consome neste caso 1,5Kw/h.

Agora deve ver na sua factura de electricidade quanto paga pelo Kw/h (pode rondar de 0,09€ a 0.13€) e multiplicar por 1,5 que foi o consumo neste caso. No meu caso daria cerca de 0,19 centimos. Mais IVA de 6%, seria um total de 0,20€.

 

À primeira vista é pouco mas imagine agora um frigorífico que fica sempre ligado, ou aquelas televisões nas salas de espera, as lâmpadas que nunca se apagam etc.

 

Um ferro que consumisse potência mais baixa gastaria menos, por isso deve sempre comparar a potência dos vários aparelhos disponíveis antes de comprar. Aquele que custa mais caro a longo prazo pode ser mais barato.

 

Por isso é também importante usar lampadas economizadoras, electrodomésticos classe A+ pois gastam o mínimo de watts possíveis.

 

 

 

publicado por oxarim às 13:20 | comentar | favorito
25
Ago 10

Mel em vez de açúcar

 

Uma das principais formas de reduzir o aquecimento global é evitar ao máximo o transporte de mercadorias consumindo produtos locais.

 

O açúcar é um dos produtos que todos consumimos todos os dias e que não é produzido por cá. A cana do açúcar dá-se bem em climas tropicais onde há bastante humidade e temperaturas altas, algo que não se encontra na Europa. O açucar que consumimos é trasnportado por longas distâncias até cá chegar produzindo assim dioxido de carbono em grandes quantidades. Além disso até chegar ao seu estado final o suco extraído da cana é submetido ao processo de refinação que inclui várias fases e produz ainda mais poluição.

 

Na sua boa intenção uma empresa de refinação de açúcar inclui no seu site um vídeo com todos esses processos e indica até a proveniência do açúcar que comercializa como podem ver aqui.

 

Tudo isto pode ser evitado se começar a usar mais o mel em vez do açúcar. Não é dificil encontrar mel caseiro produzido em Portugal. Além de ajudar o ambiente estará a usar um alimento mais completo, que contém por exemplo mais vitamina C, calcio, magnésio, potássio e fósforo do que o açucar branco refinado.

 

Se não gostar de mel pode sempre optar pelo açucar amarelo que não passa pelo processo de refinação, evitando assim alguma poluição e gasto de energia e consumindo um produto mais puro e muito mais nutritivo.

 

Pode comparar a composição do açúcar branco, do açúcar amarelo(mascavo) e do mel nesta tabela nutricional por exemplo.

 

É uma mudança de hábitos pequena mas uma grande ajuda para o ambiente.

publicado por oxarim às 18:28 | comentar | favorito
10
Mar 10

Topten - o site que lhe diz quais os aparelhos mais amigos do ambiente

 

O site Topten pretende orientar o consumidor na escolha de  diversos equipamentos consumidores de energia: electrodomésticos, lâmpadas,  equipamento de escritório e até automóveis.

 

A selecção dos equipamentos é feita tendo em conta a sua eficiência energética, o ciclo de vida dos produtos, os impactos na saúde, no ambiente e o seu nível de qualidade.

 

Antes de comprar o seu novo electrodoméstico, automóvel ou outro aparelho, descubra quais os modelos mais eficientes e amigos do ambiente. Não só ajuda o planeta como pode também poupar energia ou combustível.

 

www.topten.pt

publicado por oxarim às 22:16 | comentar | favorito